www.semprevasco.com

Patrimônio

O Vasco da Gama inaugura a sua Sede Náutica

Em 1950 o Vasco constrói seu monumento ao remo


Diminui o tamanho da fonte Aumenta o tamanho da fonte

Esporte Ilustrado
De há muito precisava o esporte náutico da metrópole de quem tomasse a iniciativa de melhorar os departamentos náuticos de nossos clubes.

O Vasco da Gama, um dos clubes que marcham na vanguarda do movimento progressista que se vem notando no remo carioca, em mais um dos seus empreendimentos, fez construir a sua Sede Náutica na Lagoa Rodrigo de Freitas, que vem de ser inaugurada.

A acomodação condigna dos atletas beneficiará por certo, em muito, a condição física dos mesmos, cercados que estarão por todo o conforto. Vimos nos batendo sempre pelo preparo físico dos remadores, muitos dos quais, dada as condições precárias de suas "garages", com dormitórios improvisados, iam de manhã para o treinamento após uma noite mal dormida.

Isso, positivamente, não acontecerá para o futuro, com os remadores cruzmaltinos. A par da perfeita condição física do atleta, o material do clube como barcos, remos, etc., naturalmente terão uma perfeita conservação tão necessária ao nosso material náutico, cujo desgaste é grande em virtude da falta de espaço, cavaletes e acondicionamento em condições perfeitas.

Em virtude da supervisão do seu técnico, Rafael Yeri, Bellini e outros esforçados vascaínos, tudo foi previsto, e desta forma o Vasco da Gama pode orgulhar-se de possuir uma sede náutica que preenche todos os requisitos necessários à boa prática do remo.

Cresce a nossa admiração em virtude de ter sido construída na Lagoa Rodrigo de Freitas, sem dúvida alguma o lugar melhor indicado para a prática de remo, e acreditamos que futuramente os dirigentes da Federação, dando mais um passo à frente, farão realizar um maior número de regatas na Lagoa, marchando junto com os maiores centros náuticos do mundo.

O Esporte Ilustrado, pelo seu cronista especializado, não poderia deixar de aplaudir esta onda de progresso que se tem feito notar ultimamente no "esporte dos fortes", e que deve ao Vasco da Gama tanto deve. Parabéns, pois, vascaínos porque estamos certos que além do progresso do Vasco da Gama, tiveram em mente o progresso do esporte náutico brasileiro.

Fonte: Esporte Ilustrado



  • Galeria de Imagens